ABCS reúne médicos renomados do Brasil em jantar à base de carne suína

ABCS reúne médicos renomados do Brasil em jantar à base de carne suína

O encontro aconteceu em São Paulo nesta quinta-feira (26) e reuniu médicos de diversas especialidades

Médicos renomados da cidade de São Paulo participaram, na última quinta-feira (26), do Jantar Seleto oferecido pela Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) e puderam conhecer mais sobre a qualidade, saudabilidade e aspectos nutricionais da carne suína.

Participaram do evento médicos chefes, entre cardiologistas, clínicos gerais e demais especialistas do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, Hospital do Coração (HCor), Oswaldo Cruz e São Luiz – instituições conceituadas em todo o Brasil.  Os convidados provaram do sabor e versatilidade da proteína no restaurante Esquina Mocotó, considerado pelo Comer & Beber da Veja São Paulo 2017 o melhor na categoria brasileiro.

A partir de um jantar exclusivo com menu criado pelo premiado chef Rodrigo Oliveira especialmente para a ocasião, os profissionais tiveram a oportunidade de conhecer de perto a evolução nutricional da carne suína, bem como o aumento da variedade de cortes disponíveis e os seus benefícios para a saúde.

O presidente do conselho consultivo da Oraculum, cardiologista e nutrólogo, Dr. Daniel Magnoni, se referiu ao evento como um “jantar histórico” e mais uma conquista para a campanha de valorização da proteína. “Conseguimos desenvolver juntos um jantar maravilhoso, apresentando a carne suína como uma opção prática, saborosa e saudável. E, devido ao resultado satisfatório, muitos médicos demonstraram interesse em dar continuidade à parceria”, comemora.

O Dr. Nabil Ghorayeb, especialista em cardiologia e medicina do esporte do Instituto Dante Pazzanese, lembra que há 30 anos já ouviu falar da evolução da proteína. “Naquela época, um professor meu começou a criar suínos com baixo índice de gordura e já dizia se tratava de uma carne tão boa ou até melhor que a carne bovina, por exemplo, e eu achei uma surpresa. Agora novamente estou vendo que, realmente, ela é muito interessante em termos de nutrientes, sem falar do sabor, que é inigualável! ”.

O médico elogiou a variedade de pratos feitos com a carne e destacou o prato principal, filé-mignon suíno, e a sobremesa, uma mistura harmoniosa de sorvete de pipoca com bacon. “Eu gostava muito da pururuca e desta vez tive a chance de experimentar o filé-mignon e achei espetacular, ele foi muito bem feito, estava num ponto maravilhoso. A sobremesa foi uma boa surpresa também”.

O Dr. Celso Amodeo, que é cardiologista, nefrologista e especialista em hipertensão arterial, diz que foi interessante saber das propriedades da proteína, pois ela pode ter até uma certa vantagem do ponto de vista digestivo em comparação com a carne bovina. “Hoje em dia, o conceito da carne suína mudou muito em relação ao que era a carne de porco do passado. Do ponto de vista de higiene e dos cuidados em geral, está claro que se trata de uma carne bastante segura para se comer”, ressalta.

Marcelo Lopes, presidente da ABCS, explica que encontros como esses são estrategicamente pensados pela instituição e essenciais para a promoção da carne suína, uma vez que os convidados são formadores de opiniões dentro dos consultórios e também em congressos de medicina. “Ontem a suinocultura viveu um momento muito especial. Foi com orgulho que mostrei a tecnologia da nossa produção e segurança da carne suína que produzimos. Formamos   novos e importantes aliados para disseminar a saudabilidade dos cortes de carne suína aos pacientes. Ações como essas geram benefícios diretos para toda a nossa cadeia”.

Os participantes receberam no final do evento um kit com materiais técnicos informativos sobre as vantagens da carne suína que poderão ser utilizados nos consultórios, e conheceram o conceito “Escolha Mais Carne Suína”, com todo o seu conteúdo disponível no site. O Jantar Seleto foi uma iniciativa da ABCS em parceria com a agência Oraculum Inteligência em Nutrição e Saúde e Sebrae Nacional, através do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (FNDS), e contou com o apoio da Associação Paulista de Criadores de Suínos (APCS).

Fonte: ABCS.

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas