ABCS realiza audiência com ministro do Mapa sobre embargo russo

Presidente da ABCS também aproveitou a oportunidade para convidar o MAPA para abertura da SNCS

Em audiência com o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Blairo Maggi, o presidente da Associação Brasileira de Criadores de Suínos (ABCS), Marcelo Lopes, ponderou a importância de o Brasil voltar a exportar a proteína suína para Rússia. A reunião aconteceu na última quarta-feira (29), em Brasília, na sede do MAPA.

No encontro, Lopes comentou sobre o impacto do embargo russo na queda total dos volumes exportados. “A demora para a reabertura, desse importante mercado comprador, determinou uma clara redução no volume total de carne suína brasileira exportada no primeiro semestre deste ano, situação que influenciou diretamente nos preços do mercado interno, uma vez que o excesso de oferta da proteína pressiona os preços da carne”. O presidente da ABCS também afirmou que a queda nas exportações só não foi maior porque houve crescimento nos embarques para outros mercados, como Hong Kong e China.

Na opinião do ministro, a produção brasileira tem capacidade para atender as necessidades dos compradores externos, mas precisa cumprir com os seus compromissos. Ele citou que Rússia exige a carne suína sem a presença da ractopamina. “Foi feito um acordo para a venda da carne sem a ractopamina, mas por alguém não ter cumprido estamos enfrentando problemas com os russos por causa disso”. O ministro disse, ainda, que pelo erro de apenas um empresário todo o mercado brasileiro pode sofrer as consequências, por isso a necessidade de comprometimento e transparência por parte dos produtores.

Lopes assegurou ao ministro que irá continuar o diálogo com a cadeia suinícola sobre o problema que o setor está vivenciando por conta da presença da ractopamina na carne suína exportada à Rússia. “A ABCS se compromete em debater com os seus produtores sobre a importância de se produzir com responsabilidade e seguir as exigências dos mercados compradores”, destacou o presidente da ABCS.

O secretário de Defesa Agropecuária da Pasta, Luís Rangel, participou da reunião e ponderou a necessidade que o setor de se mobilizar para enfrentar o embargo russo à carne suína e frisou que medidas deverão ser tomadas pela a suinocultura brasileira. “É um trabalho em conjunto, pois é responsabilidade de todos os envolvidos reverter esse processo”.

Semana Nacional da Carne Suína

Na oportunidade, o presidente da ABCS convidou o ministro Blairo Maggi e o secretário Rangel para participarem da sexta edição da Semana Nacional da Carne Suína (SNCS), que este ano será realizada entre os dias 13 a 27 de setembro, São Paulo.

Lopes entregou o convite e reiterou a importância da presença da Pasta como no último ano. “A iniciativa de sucesso da ABCS é sistêmica e tem como objetivo trazer benefícios para produtores, indústria, varejo e consumidores. Neste ano, a edição expande para sete bandeiras e chega a 624 lojas, em 17 estados brasileiros” explicou. A SNCS é considerada a maior vitrine da carne suína no setor varejista, além de atender público de diversas faixas de renda.

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas