Maior ação estratégica de venda da carne suína no varejo brasileiro consolida edição de resultados e impacta toda a cadeia de valor

As redes participantes relatam maior aproximação com os clientes, mudança de visão sobre a qualidade da carne suína e aumento nas vendas


A Semana Nacional da Carne Suína (SNCS) encerrou neste domingo, 13 de outubro, com mais uma campanha de resultados. Desde o dia 26 de setembro as redes de varejo participantes Carrefour, Extra, Pão de Açúcar, Grupo BIG (ex-Walmart Brasil), Hortifruti Natural da Terra, Lopes e OBA Hortifruti investiram na conscientização sobre as qualidades, vantagens e segurança da carne suína.

Um trabalho diferenciado que envolveu o compromisso de transmitir também aos consumidores a qualidade da cadeia e a transparência sobre as etapas do processo produtivo, além de destacar os benefícios nutricionais da carne suína, sabor e praticidade no preparo. A SNCS 2019 engajou mais de mil lojas, que juntas representam 40% do faturamento do varejo alimentício, impactando ¼ da população do país e alcançando consumidores distribuídos em 22 estados brasileiros.

Os frutos dos investimentos feitos na formação de colaboradores e no desenvolvimento de campanhas voltadas tanto para o ponto de venda quanto nos veículos de comunicação externa e redes sociais foram perceptíveis.Com um planejamento bem elaborado, as capacitações geram engajamento em todas as lojas pelo poder de influenciar as equipes e levar significado.

Da motivação dos colaboradores, passando peça decoração diferenciada nas lojas até o momento da venda, as campanhas performaram positivamente. Para incentivar e engajar as equipes as redes desenvolveram campanhas internas de incentivo, atingindo resultados e ampliação nas vendas.

Com o tema “Qualidade na cadeia de valor”, o varejo utilizou de diversas estratégias para mostrar ao consumidor as qualidades da carne suína e esclarecer sobre o seu processo de produção. As redes apostaram em preços competitivos, no abastecimento constante de carne fresca e dicas de preparo da proteína suína, na informação para levar conhecimento sobre os benefícios do consumo da proteína, tipos de cortes, saudabilidade, custo-benefício e procedência aos clientes e especialmente na comunicação.

A edição de 2019 e as estratégias das redes

Educação, conteúdo e informação em diversas plataformas e para diversos consumidores foram os grandes diferenciais da Semana Nacional. Além disso, os integrantes da campanha também destacaram o tema definido para a SNCS: “Qualidade na cadeia de valor”, destacando que provocou um desempenho diferente nas lojas, transparente e comprometido com as exigências do consumidor brasileiro, que deseja cada vez mais conhecer o produto que adquire. Para eles, o contato mais próximo com o consumidor solidifica as vendas e facilita a assimilação do cliente, o que representa um dos caminhos para essa consolidação.

Com foco em alavancar as vendas, o varejo utilizou de diversas estratégias para mostrar ao consumidor as qualidades da carne suína e esclarecer sobre o seu processo de produção. As redes apostaram em preços competitivos, no abastecimento constante de carne fresca e dicas de preparo da proteína suína, na informação para levar conhecimento sobre os benefícios do consumo da proteína, tipos de cortes, saudabilidade, custo-benefício e procedência aos clientes e especialmente na comunicação.

Juntas, as redes comunicaram diretamente com o consumidor nos pontos de vendas através de mais de 35 plataformas, somando ao total mais de um milhão de conteúdos impressos. A multicanalidade foi destaque nas campanhas, que estiveram presentes em todas as plataformas digitais como Youtube, WhatsApp, Facebook, Instagram, sites, blogs além de rádio e TV. Nas lojas físicas foram distribuídas peças como adesivos para geladeira, para balcão, para bandejas, cartazes, móbiles, selos e banners.

Satisfeitas com apresentação do produto, receptividade dos clientes e movimentação positiva nas vendas, as redes pretendem investir em mais comunicação na próxima edição e acompanhar como será a presença da proteína após a SNCS.

O presidente da ABCS, Marcelo Lopes, apontou que a parceria entre produção, indústria e varejo impacta diretamente em toda a cadeia da suinocultura e gera oportunidades para cada uma das categorias de atuação. “Os resultados positivos reforçam a efetividade da estratégia da ABCS em ampliar a oferta da proteína no mercado interno, oportunizando benefícios diretos aos produtores de suínos que impactam no aumento da competitividade a toda cadeia suinícola. Esta edição da SNCS é mais uma conquista neste trabalho conjunto de integração e educação ao consumidor”.

Em sua 7ª edição, a SNCS é realizada por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura e do apoio do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa), da Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) e do Sebrae.

Fonte: ABCS

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas