Pizza de torresmo chega ao mercado brasileiro conquistando consumidores

O sabor da proteína ganha novos espaços com criações e traz oportunidades para toda a cadeia produtiva


A inovação tem sido um dos temas mais discutidos no mundo atual e pode ser muito bem aplicada ao universo da gastronomia. Com criatividade e versatilidade, um prato ganha uma nova versão e conquista novos apreciadores. A carne suína tem se mostrado um ingrediente coringa para surpreender e trazer combinações de sabores que encantam. A mais nova febre difundida na internet e de criação brasileira é a pizza de torresmo. Novidade no mercado, o prato chamou atenção dos usuários do Twitter, como mostrou uma matéria do site Vix. Um bar em Campinas, São Paulo, resolveu trazer esse diferencial para seus pratos e os clientes se surpreenderam.

Essa novidade vem em consonância com o trabalho que a Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) realiza para incentivar o consumo da proteína e gerar benefícios para toda a cadeia de valor. Dando um toque moderno para o tradicional ou mesmo trazendo novas possibilidades de consumo, a área de marketing da ABCS procura sempre criar, por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (FNDS), novos materiais, receitas e produtos com o objetivo de surpreender o consumidor e apresentar o potencial dessa carne que é a mais popular no mundo.

O conteúdo é disponibilizado no site Mais Carne Suína e é também divulgado nas principais redes sociais, como o Facebook e Instagram, sendo uma fonte de informações sobre sabor, saúde, qualidade e cortes da proteína, além de ser um canal aberto para aproximar o consumidor de toda a cadeia, que trabalha em conjunto para levar um produto de qualidade para a mesa do brasileiro.

Com foco na gastronomia e seu potencial de crescimento, a ABCS desenvolveu em 2019 o Grande Livro da Carne Suína, que conta com a colaboração de 60 chefs renomados. É uma publicação inédita e exclusiva que traz receitas fáceis de preparar, fáceis de compartilhar e fáceis de impressionar. Afinal, nada mais especial do que aproveitar momentos com amigos e família, acompanhados de por exemplo, de uma boa feijoada, de uma costelinha suína assada, um torresmo crocante, um lombo recheado ou pratos mais diferenciados como um hamburguer suíno, e até sofisticados, como a picanha suína.

Tudo isso é possível graças ao FNDS, um projeto que visa promover e valorizar as ações de associações estaduais e regionais, dos frigoríficos e das Empresas Amigas da Suinocultura que contribuem de forma voluntária para o fortalecimento do setor e integração da cadeia. Os recursos, segundo o presidente da ABCS, Marcelo Lopes, são investidos não somente nas ações de marketing como também em novas tecnologias e boas práticas na produção de suínos. “A ABCS desenvolveu nos últimos anos intensas ações de incentivo ao consumo, criando uma cadeia de valor atenta à qualidade do produto que chega à mesa do consumidor”, reforçou.

Setor de Indústrias Gráficas (SIG), Quadra 01 – Ed. Barão do Rio Branco, sala 118 | CEP: 70.610-410 | Brasília - DF
Telefone: (61) 3030-3200
Design: Conectando Pessoas